As notícias da comunidade esteiense.
JORNAL ECO DO SINOS
16/12/2016 - 16:00
Precrio estado das fiaes telefnicas na cidade de Esteio

06/04/2015 - 23:21
Cautelar suspende pagamentos de servios de controle do ICMS em Esteio

14/02/2015 - 15:02
Justia

15/12/2014 - 11:50
Mais de 700 quilos de maconha so apreendidos em Esteio

25/09/2013 - 12:41
Planejamento evita inundaes

04/08/2013 - 16:06
O novo garoto-propaganda da cidade

13/04/2013 - 19:22
Histria para boi dormir

01/04/2013 - 17:10
Comunidade mobilizada para combater carguismo

12/12/2012 - 16:29
Comit acompanha visita ao canteiro de obras da BR-448

25/11/2012 - 16:39
Esteio - Atingidos pelas enxurradas podem sacar FGTS

Anteriores


09/03/2013 - 14:36 Imprimir a not�cia
Cemitrio 2 de Novembro precisa de reforma e ampliao urgente
Presidente da Cmara afirma que parte da economia do Legislativo em 2013 servir reforma do local

No incio de fevereiro, a Cmara de Vereadores esteiense cobrou da prefeitura medidas para ampliao e reforma geral do Cemitrio Municipal 2 de Novembro, no bairro Santo Incio. Durante vistoria realizada no local pela Comisso de Sade, Meio Ambiente e Assistncia Social, no dia 6 do ms passado, foram constatados, alm de grande acmulo de lixo, problemas de infiltrao nos tmulos e galerias; goteiras; falta de pintura, iluminao e de telhas; capelas morturias com fios de alta tenso expostos e, no geral, em pssimo estado de conservao. Isso sem contar o matagal, que domina toda a rea e facilita atos ilcitos como drogadio e vandalismo.
Segundo o presidente da Comisso, vereador Leonardo Pascoal (PP), o cemitrio est com sua estrutura completamente comprometida. Encontramos at tmulos recentes ao lado de lixo. lamentvel, comentou.
Solues
O secretrio de Obras, Jos Luiz da Silva, reconheceu os problemas estruturais no local e garantiu que a prefeitura est tomando medidas. Nosso primeiro passo uma reforma geral, dentro do oramento deste ano, disse. A questo, porm, que a previso de custo da reforma de R$ 150 mil, mas o oramento disponvel no Executivo de apenas R$ 100 mil. Ainda assim, ele afirma que at o Dia das Mes, em maio, a obra dever estar pronta.
Silva alerta que esta uma medida paliativa para resolver a falta de espao. A verticalizao do Cemitrio 2 de Novembro a nica sada e est nos planos do governo. O presidente da Cmara, Jaime da Rosa, afirma que o Legislativo solidrio ao tema e anunciou que parte da economia da Casa neste ano ser antecipada, para auxiliar nos custos da reforma do cemitrio.